“A pessoa mais vivida não é aquela que ultrapassou os cem anos, mas aquela que mais intensamente experimentou a vida” (Jean Jacques Rousseau, filósofo francês, 1712-1778).

A busca da perfeição se dá com muito empenho. Imagine que alguém ganhou um iPad2, com todas as facilidades disponíveis e para evitar que se estrague ele o mantenha guardado na embalagem. Em pouco tempo já estará ultrapassado, mesmo sem uso. Ainda que tenha decorado o manual de instruções, se evitar usar o aparelho ele será apenas uma espécie de objeto de decoração, pois ele precisa ser utilizado para dar ao usuário acesso a todas as facilidades. Com a vida acontece algo semelhante! Ela é cheia de oportunidades, temos muitas capacidades, mas, tudo isso só estará disponível quando começamos a desenvolver nossos talentos e viver a nossa vida. À medida que vamos fazendo, as habilidades vão aparecendo. Veja um artista: a cada obra, sua percepção vai se aprimorando, suas habilidades vão aparecendo, e suas obras ganham destaque. Se ficar escondido dentro de casa e nada fizer, jamais poderá ser reconhecido como uma pessoa de talento. Assim somos nós: temos mais capacidade que possamos imaginar, mas elas só irão se revelando na medida em que deixamos elas se desenvolverem. Cabe ao nosso querer dar o primeiro passo para revelar todo nosso potencial de vida, pois ‘a jornada mais longa sempre começa com um primeiro passo’ (dito popular). (Reflexão feita por Jose Irineu Nenevê). Bom trabalho! Bom dia! (16 anos)

Free business joomla templates